30 de out de 2010

Nessas esquinas, vejo o teu olhar !



- Ow, feia.

Como um imã meus olhos correram exatamente para a esquina onde você se encontrava, eu que sou assim meio cegueta consegui ter a certeza de que era você só pelo tom de voz grosso e sedutor. Corri, sem acreditar fielmente de que encontraria com os os seus olhos depois de alguns anos. Abri os braços e só ai tive a certeza de que era você mesmo. Finalmente.
Ficamos ali envolvidos pelo encontro por alguns segundos, seus olhos cor de mel vidrados nos meus cor de céu. Desta vez foi minha vez de te conhecer sem que você soubesse, analisei cada detalhe, cabelos, olhos, nariz, boca, bochechas, tudo minuciosamente para ter a certeza de que seria capaz de guardar todos aqueles traços até o próximo encontro, minha memoria olfativa foi ativada e fácil como tirar um sorriso de criança, guardei seu perfume.
Acho que apaguei e não percebi sua aproximação, só dei por mim quando senti sua respiração tão próxima que parecia uma só, senti o halito quente cada vez mais perto até que sentir definitivamente seus lábios tocando os meus. Abri os olhos e você me soltou aquele sorriso sem graça de quem tem medo de ter feito algo errado, não consegui dizer nada só me aproximar e retribuir para você ter certeza de que eu desejei aquilo tanto quanto você.
Demorou – pensei – mas enfim estávamos ali, frente a frente, não tão prontos quanto imaginávamos mas o suficiente para sentir aconchego nos braços um do outro.
Eu sentia sua falta, antes mesmo de ter o encontrado de fato, sentia falta do seu bom humor e sua voz aveludada dizendo - Sabe quem é? - pelo telefone, mas depois deste dia tive a certeza de que sentiria muito mais dali para frente.
Enquanto vasculho a mente atrás de detalhes seus, teu perfume invade de maneira inexplicável o ambiente. Uma, duas, três semanas e já sei o quanto ciumento você pode ser e como tem a péssima mania de nunca dizer o que de fato está te incomodando. Mania de dizer: Coisa minha, não se preocupa que eu resolvo.
A cada dez pessoas, onze insistem em dizer que não estamos fazendo a coisa certa e tentam de todas as maneiras possíveis e imagináveis abalar o que temos construído. Você diz que sou de lua e que não consegue me entender, talvez eu seja assim por você ainda ser um mistério completo na minha vida.
E mesmo que nos estranhemos de vez em quando, continuo aqui segurando sua mão e te dando um cheiro no pescoço, porque escolhi assim, escolhemos assim.. e mesmo que você tenha a pachorra de duvidar eu tenho sim certeza do que estou fazendo.
Ainda bem que você não foi embora.


" Cause whenever you smile, i smile. "

9 comentários:

  1. Me amarrei no textoo, você escreve super bem! séerio mesmo, estou seguindo... se puder retribuiir..

    ResponderExcluir
  2. *-* que lindoo..
    adorei o texto.Sou meia que romântica,e então leio com profunda admiração.
    Seguindo =D

    se quiser retribuir, é sempre bom :)
    http://leticiabarcelos.blogspot.com/

    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Uau!
    Que belo texto, mocinha. Adorei!

    Riqueza de detalhes...

    abs,
    seuanonimo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Lindo o texto meu bem!
    Ninguém poderia descrever melhor essa história linda!

    beijos'
    Taíse

    ResponderExcluir
  5. Ai gurias, que lindo. Bom ver amores assim, que dão certo, e acontecem, e voltam com certeza e firmeza. São sentimentos assim bons e puros que tem me feito acreditar. Quanto ao blog, cada vez melhor!
    Beijoca

    ResponderExcluir
  6. Amo esta música da Marisa Monte. Linda demais! Seu blog tambem é lindo.

    ResponderExcluir
  7. Que lindo. Tão leve que parece a descrição de um sonho.
    =D

    ResponderExcluir
  8. adoreei a imagem,
    super querida

    beijo

    ResponderExcluir

Quem nunca altera a sua opinião é como a água parada e começa a criar répteis no espírito.
( William Blake)


Movimente a sua, faça-nos refletir e reflita sobre o que leva como verdade absoluta.


Nasci em um domingo de primavera ás 21:00 do dia 29 de Setembro de 1991. 1 mês antes do previsto e regida pelo signo de libra.Apaixonada por livros, séries, músicas, flosofia e tecnologia. Espírita Kardecista. Blogueira por amor e futura webmaster por formação. Nasci na selva de pedra mas meu lar é onde os pés encontram o mar e o sol tocar a pele. ♥ (+)